COMUNICADO - Ponto de situação sobre Escolas, SMTUC e Águas de Coimbra

A Câmara Municipal de Coimbra informa que todos os jardins de infância e as Escolas do 1.º Ciclo do Ensino Básico da rede pública concelhia estarão em funcionamento amanhã, apesar das ocorrências registadas na sequência da tempestade ‘Leslie’ em 16 estabelecimentos.

Relativamente às linhas dos Serviços Municipalizados de Transportes Urbanos de Coimbra (SMTUC) prevê-se que estejam todas operacionais a partir de amanhã, à exceção da Linha do Botânico, devido à queda de bastantes árvores e grandes ramadas. Os troleicarros não poderão circular devido aos danos na linha da rede de tração elétrica, sendo que o transporte dos utentes será assegurado por autocarros dentro da frota disponível. 

 

Informa-se ainda que as Piscinas de Celas sofreram danos graves, nomeadamente no telhado, pelo que estarão encerradas ao público por razões de segurança. 

 

A Câmara Municipal de Coimbra informa, também, que mais de duas centenas de profissionais, dos vários serviços municipais e restantes autoridades, participam nas várias operações de regularização da normalidade. 

 

Já a empresa municipal Águas de Coimbra (AC) esclarece que a falta de eletricidade que se verifica desde a noite de ontem afetou o funcionamento de várias estações elevatórias e reservatórios de água, provocando falhas no abastecimento em diversos pontos do Município de Coimbra. 

 

Fazendo um ponto de situação das zonas mais afetadas pela falta de água, informa-se que, relativamente ao sistema de Vendas de Pousada/ Vale de Cântaros, que abastece uma área muito extensa, abrangendo as zonas de Almalaguês, Rio de Galinhas, Cernache, Antanhol, Carvalhais de Cima e Marco dos Pereiros, conseguiu restabelecer-se o funcionamento das infraestruturas com a instalação de um gerador e prevê-se que o fornecimento de água esteja resolvido nas próximas três a quatro horas. 

 

O mesmo cenário se coloca na área abrangida pelo sistema da Nacional 111, onde foi restabelecida a energia com instalação de um gerador, o que possibilita, nas próximas horas, o normal fornecimento de água às zonas de São João do Campo, Antuzede, Póvoa do Pinheiro,Castanheira e Vila Verde. 

 

No sistema da Adémia, que abrange as zonas de Trouxemil, Sargento Mor, Marmeleira, Logo de Deus, Larçã e Mata de São Pedro, foram instalados dois geradores que estão a permitir repor a água na rede. 

 

Ainda relativamente às áreas do concelho mais afetadas, refira-se que o sistema de Ceira tem estado, também, a recuperar o seu normal funcionamento, esperando-se que, nas próximas horas, não haja falta de água nas zonas que foram mais penalizadas com este problema - São Frutuoso, Lagoas e Carvalhosas. 

 

A Águas de Coimbra informa que tem estado em contacto com a EDP, no sentido de acompanhar a evolução do problema da falta de eletricidade nesta região, bem como com a empresa Águas do Centro Litoral, que gere muitas das infraestruturas de água afetadas pela falta de eletricidade.