Coimbra acolhe primeiro Encontro Nacional da Cruz Vermelha Portuguesa

A antiga igreja do Convento São Francisco acolheu, durante o dia de ontem, o primeiro Encontro Nacional da Cruz Vermelha Portuguesa (CVP), que surge também no âmbito das comemorações do 155.º aniversário da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho. A iniciativa, que promoveu a articulação e a motivação entre os voluntários e colaboradores da instituição, contou com a presença do presidente da Câmara Municipal de Coimbra (CMC), Manuel Machado, do presidente nacional da CVP, Francisco George, e do presidente da delegação de Coimbra, Severino Carvalho de Oliveira, entre outras personalidades.

“É para mim uma honra muito grande poder acolher o vosso primeiro encontro nacional em Coimbra”, começou por afirmar Manuel Machado.

O autarca salientou, de seguida, a missão desenvolvida pela CVP ao serviço da sociedade. “Importa destacar o vosso trabalho humanitário e de solidariedade, em prol do bem comum, ao longo do tempo, por todo o território nacional”, destacou o presidente da CMC, que concluiu agradecendo o “empenhamento devotado do Dr. Francisco George nestas causas que interessam à saúde, quer dos indivíduos, quer da sociedade”.

O presidente da CVP, Francisco George, agradeceu à Câmara Municipal de Coimbra todo o apoio prestado e lançou um repto para que futuramente os encontros nacionais da CVP se possam voltar a realizar na cidade.

O evento contou com a participação de cerca de 500 voluntários e colaboradores de todo o país e oradores de mais de 35 delegações locais da CVP, numa troca de experiências, conhecimentos e boas práticas, com vista à projeção do futuro.