Coimbra BD cativou muito público durante quatro dias

A Coimbra BD – 4ª Mostra Nacional de Banda Desenhada chegou ao fim e o balanço é muito positivo. Na sua quarta edição, que decorreu de 7 a 10 de março na Casa Municipal da Cultura, a mostra de Banda Desenhada contou com exposições, workshops, conferências, apresentações de livros, sessões de autógrafos com os autores, jogos de tabuleiro, sessões cinematográficas e o habitual desfile e concurso de Cosplay, que este ano foi ganho pela jovem Cristina Gomes e a sua “ninja japonesa”. Uma programação diversificada e um leque de convidados nacionais e estrangeiros de qualidade trouxeram a Coimbra público de todo o país e contribuíram para que a Coimbra BD se assuma, cada vez mais, como um evento de referência para os apreciadores nacionais de Banda Desenhada.

A Coimbra BD está a conquistar o seu espaço no calendário nacional de eventos de Banda Desenhada e isso é visível pelo aumento do número de editores e livreiros presentes, pelo facto de alguns autores aproveitarem a data para apresentarem novos trabalhos, pela presença de artistas internacionais, pelo reconhecimento do evento no circuito dos cosplayers e, claro, pela adesão e fidelização do público. Esta quarta edição consolidou a sua internacionalização com a participação do belga Étienne Schréder e do italiano Fabio Celoni, que se juntaram a uma dezena de autores nacionais, e houve uma aposta na descentralização da mostra, com o Convento São Francisco a acolher a programação paralela apresentada pelo MOTELX Coimbra, que trouxe cinema de terror adequado a diferentes faixas etárias. 

A quarta edição da Coimbra BD terminou ontem, em grande, depois do concurso de Cosplay ter lotado o auditório da Casa Municipal da Cultura e de uma sessão de autógrafos concorrida com a autores convidados. Um evento promovido pela Câmara Municipal (CM) de Coimbra, que conta com a colaboração da livraria “Dr. Kartoon” e da “Comic Heart”. Uma mostra que, assegura a vereadora da Cultura da CM Coimbra, Carina Gomes, “é para continuar e para melhorar”.