Coimbra vai ser a capital da BD de 8 a 11 de março

A Coimbra BD – Mostra Nacional de Banda Desenhada avança para a sua terceira edição, que vai decorrer de 8 a 11 de março, e apresenta-se como uma aposta firme da Câmara Municipal de Coimbra (CMC) no panorama cultural. Esta edição, que se irá concretizar, principalmente, na Casa Municipal da Cultura, apresenta um conjunto de ações que procuram representar o que de melhor se cria ao nível da Banda Desenhada, atingindo públicos diversos, desde o infanto-juvenil, às famílias e a todos aqueles que, de diferentes faixas etárias, cultivam o gosto por esta expressão artística, perspetivando-se um aumento dos níveis de fidelização ao evento.

Perseguindo o êxito alcançado nas edições anteriores, a edição de 2018 da Coimbra BD aposta num programa diversificado e de elevada qualidade, destacando-se pela sua primeira internacionalização, com a presença de dois convidados oriundos de Itália (Walter Venturi) e da Sérvia (r.m. Guéra). Além destes, marcam presença cinco autores nacionais convidados, representantes da escrita, do argumento para BD ou da criação artística, ao nível da ilustração, áreas reveladoras do vasto universo da “9.ª Arte”.

A iniciativa volta a reunir um conjunto de 18 editores e livreiros especializados em Banda Desenhada promovendo, fundamentalmente, ações que apelam à participação do público. Inscrevem-se neste âmbito os workshops, as tertúlias, a série de exposições que estarão patentes (algumas das quais integrando visitas acompanhadas), as sessões de autógrafos com autores de BD, as mesas de artistas, os jogos de tabuleiro e o já habitual desfile e concurso de Cosplay.

Realce, ainda, para a exibição de curtas-metragens de animação infantil (integradas no périplo nacional dos “Filminhos Infantis à solta pelo país”, pela Zero em Comportamento) e de terror (premiadas no Festival de Cinema MoteLx).

O evento abre-se à cidade ultrapassando as fronteiras da Casa Municipal da Cultura já que a Galeria Pedro Olayo (filho), no Convento São Francisco, acolhe, a partir do dia 3 março, uma exposição de ilustração, de João Vaz de Carvalho, que vai estar patente até ao dia 8 de abril.

A CMC renova, nesta terceira edição da Coimbra BD, a colaboração por parte da livraria “Dr. Kartoon” na produção do evento. Conta, ainda, com o contributo da Casa da Esquina/Graal na apresentação do projeto SAPATA PRESS, uma plataforma de produção editorial transnacional, na área da BD, direcionado a autoras de países de língua portuguesa.

A iniciativa conta, igualmente, com o apoio dos Serviços de Ação Social da Universidade de Coimbra, que manterão em funcionamento permanente um Restaurante BD - a Cantina Sereia - em horário coincidente com o período de abertura ao público da Coimbra BD.

À semelhança das edições anteriores, a Rádio Universidade de Coimbra apoia, uma vez mais, a iniciativa, através da emissão em direto do programa “Conta-me!”, de Sandra Tavares e Cátia Soares.

Consulte aqui o programa completo da Coimbra BD – Mostra Nacional de Banda Desenhada.