Bandeira do Município a meia haste em homenagem a Rui de Alarcão

O presidente da Câmara Municipal (CM) de Coimbra, Manuel Machado, deu instruções para que a bandeira do Município fosse colocada, durante dois dias, a meia haste em homenagem a Rui de Alarcão, que faleceu hoje, aos 88 anos.

Manuel Machado endereça à família e amigos as condolências pelo falecimento “de uma pessoa sensata, ponderada e inteligentíssima”. “A cidade está de luto e o país também. Rui de Alarcão foi um cidadão que cumpriu o seu dever, defendeu a democracia e promoveu o desenvolvimento. Sabia compreender todas as pessoas, mesmo as que não pensavam como ele”, destacou o autarca.

O presidente da CM Coimbra salientou ainda a “marca” que Rui de Alarcão deixou enquanto “magnífico reitor da nossa UC”. “Foi um jurisconsulto de elevadíssima qualidade, uma personalidade de grande prestígio em Coimbra, a nível nacional e internacional”, concluiu Manuel Machado.

Nascido em 1930, o professor universitário de Direito, foi reitor da Universidade de Coimbra entre os anos de 1982 e 1998, além de membro da Comissão Constitucional e membro do Conselho de Estado.

Durante os 16 anos que passou na reitoria, foi ainda membro do Conselho Nacional do Ensino Superior e, posteriormente, do Conselho Nacional de Educação e presidente da Fundação das Universidades Portuguesas, entre outros cargos.

Das diversas distinções honoríficas que recebeu ao longo da carreira distinguem-se a Grã-Cruz da Ordem Militar de Cristo, Grã-Cruz da Ordem de Sant'Iago da Espada, Grã-Cruz da Ordem do Infante D. Henrique, Medalha de Ouro da Universidade de Coimbra e Medalha de Ouro da Cidade de Coimbra.

O corpo de Rui de Alarcão estará em câmara ardente a partir das 10h00 de amanhã (20 de agosto), na Capela da Universidade de Coimbra. As cerimónias fúnebres terão início pelas 16h00, no mesmo local, sendo depois o corpo encaminhado para o cemitério de Cernache. 

Lusa / CM Coimbra