Acionado Programa de Ação de Contingência para Vagas de Frio

A Câmara Municipal de Coimbra (CMC) acionou o Programa de Ação de Contingência para Vagas de Frio, previsivelmente até dia 7 de fevereiro, anunciou o presidente da CMC, Manuel Machado, na reunião do executivo camarário que está a decorrer.

Recorde-se que a Associação Nacional de Proteção Civil (ANPC), no seguimento do contacto com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), lançou um aviso à população, esta segunda-feira, devido à previsão da diminuição da temperatura mínima, com valores a situarem-se entre os -4 e 2°C nas regiões do interior centro e entre 0 e 4°C nas regiões do litoral centro. O vento soprará forte do quadrante norte, no litoral e nas terras altas, com rajadas até 70 km/h. Existem ainda condições para a formação de gelo ou geada nas regiões do norte e do centro.

O programa de ação agora ativado dirige-se, sobretudo, às populações mais vulneráveis do concelho, nomeadamente aos sem-abrigo. Aplicável entre 1 de novembro e 31 de março de 2017, tem como objetivo dar uma resposta eficaz e atempada às necessidades que possam surgir pela ocorrência das chamadas vagas de frio – com graves riscos para a saúde humana e o potencial aumento de mortes associadas a temperaturas extremas – garantindo, assim, a proteção e a segurança dos cidadãos em situação de vulnerabilidade.

O  Programa de Ação de Contingência para Vagas de Frio define o modo de atuação dos serviços e entidades que integram o Sistema Municipal de Proteção Civil, relativamente às responsabilidades, organização e conceito de operações, gestão de meios e recursos no domínio da intervenção social e da proteção civil. O programa envolve a CMC, a Polícia Municipal, o Serviço Municipal de Proteção Civil, a Companhia Bombeiros Sapadores de Coimbra, a Polícia de Segurança Pública, a Guarda Nacional Republicana, juntas e uniões de freguesias, os Bombeiros Voluntários de Coimbra e de Brasfemes, o Centro Distrital de Coimbra do Instituto de Segurança Social e as equipas de rua e os centros de acolhimento.

Pode consultar o Programa de Ação de Contingência para Vagas de Frio aqui.

Conheça as recomendações da Direção-Geral da Saúde sobre os cuidados a ter durante o tempo frio e seco (https://www.dgs.pt).