Requalificação dos caminhos pedonais dos troços Cruz de Celas/Baixa e Arregaça/Lóios vai ser adjudicada

O executivo da Câmara Municipal de Coimbra (CMC) aprovou, por unanimidade, na sua reunião de segunda-feira, uma proposta para adjudicação da empreitada “Caminhos Pedonais de Cruz de Celas/Baixa, Santa Clara, Arregaça e Lóios – Troços Cruz de Celas/Baixa e Arregaça/Lóios” à empresa Construcentro – Construções Civis do Centro, Lda., pelo valor de 928.857,34 euros (mais IVA à taxa legal em vigor) e com um prazo de execução de 300 dias. A obra, que visa a requalificação dos dois caminhos pedonais, faz parte da ação do Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano (PEDU) de Coimbra.

O objetivo da empreitada é a requalificação dos caminhos pedonais dos troços Cruz de Celas/Baixa e Arregaça/Lóios que, sumariamente, consiste na construção e remodelação de passeios, reformulação de cruzamentos viários, ajardinamentos e execução de infraestruturas de água, saneamento, eletricidade e telecomunicações. Uma obra que custará 928.857,34 euros (mais IVA) e deverá estar concluída 300 dias a partir da data da sua consignação, já em 2018.