Município solicita à EDP investimentos em iluminação pública no valor de 668.483 euros

O executivo da Câmara Municipal de Coimbra aprovou, por unanimidade, na sua reunião de ontem, um plano de obras, a propor à EDP, para execução em 2018, no valor de 668.483 euros. O plano tem por base o Contrato de Concessão celebrado entre as duas entidades, conjugado com o valor da renda paga pela EDP à CMC em 2016 (3.411.600 euros).

O plano de obras para 2018 inclui projetos elaborados pela CMC já aprovados, nele constando: Rede de Iluminação Pública (IP) na Avenida Sá da Bandeira (70.000 euros), Rua Alexandre Herculano (55.000 euros), Praça João Paulo II (20.000 euros), ruas Venâncio Rodrigues, Oliveira Matos e Castro Matoso (57.990 euros), Rua Arco da Traição (28.414 euros), Rua da Manutenção Militar e Rua do Montarroio (nascente) (40.773 euros).

O plano inclui a elaboração de projeto de reformulação da rede de IP na Rua de Tomar, Alameda Júlio Henriques e Combatentes e posterior execução. Rede de Baixa Tensão e de IP na Calçada Sta. Isabel (66.864 euros); Penedo da Saudade (78.744 euros) e Bairro Norton de Matos (193.698 euros), nas condições dos projetos elaborados e já aprovados pela EDP.

Por último, o plano para 2018 prevê também a substituição de luminárias existentes (cerca de 3204), na área rural, a VM (vapor de mercúrio), por luminárias com tecnologia LED; substituição de luminárias existentes (cerca de 230), na cidade, a VM, por tecnologia LED; substituição de luminárias na Alta, a VSAP (vapor de sódio de alta pressão) e VM, em mau estado de conservação (cerca de 200), por tecnologia LED (30.000 euros); e substituição de luminárias, na Baixinha, a VM e VSAP, em mau estado de conservação (cerca de 175), por tecnologia LED (27.000 euros).