CMC financia vinda de Programa de Bolsas de Investigação para Coimbra

O executivo da Câmara Municipal de Coimbra (CMC) aprovou, por unanimidade, na sua reunião de ontem, uma proposta de parceria apresentada pela Fundação da Juventude, tendo em vista a participação do Município na 3.ª edição do Programa Millennium de Bolsas de Investigação Cidade e Arquitetura. A participação da CMC neste programa será efetuada através de financiamento de uma bolsa para o projeto vir a ser desenvolvido na cidade, no valor de 2250 euros; comparticipação nos custos de seleção e consultadoria do programa, no valor de 1250 euros; autorização de acesso ao arquivo do Município por parte dos jovens bolseiros, para além da disponibilização de outros elementos escritos, fotográficos, etc, disponíveis e sem custos.

O Programa Millennium de Bolsas de Investigação Cidade e Arquitetura tem como objetivo incentivar os jovens licenciados para uma carreira profissional ligada à Investigação e estimular a curiosidade pelo Património Arquitetónico e Cultural, das cidades de grande e média dimensão, em estreita articulação com as autarquias dos territórios que forem selecionados, das regiões Norte, Centro e Sul, pela sua riqueza endógena ao nível do edificado.

Com especial interesse no Património Arquitetónica das Cidades Portuguesas no Séc. XX, entre 1975 e 2000, a Fundação da Juventude vai envolver diversos parceiros, incluindo alguns Municípios, entre os quais o de Coimbra. Com esta iniciativa, a CMC apoia o desenvolvimento de estudos técnicos e científicos inéditos que demonstrem a singularidade e a excelência do Património Construído no Séc. XX, promove o enriquecimento das cartas patrimoniais do Município e apoia o desenho de estratégias de salvaguarda do património e criação de condições para a sua divulgação e abertura ao público.

O Orçamento Geral deste Programa prevê a atribuição de 20 bolsas, no valor de 2250 euros cada, com exposições itinerantes em cada Município parceiro e a publicação de 20 trabalhos de investigação, ascendendo aos 90.000 euros.