APBC com apoio camarário de 55 mil euros

O executivo da Câmara Municipal de Coimbra aprovou, por unanimidade, na sua reunião de 24 de julho, uma proposta de protocolo de colaboração entre o Município e a Agência para a Promoção da Baixa de Coimbra (APBC), referente ao ano de 2017, que prevê a atribuição de um apoio financeiro no valor de 55.000 euros.

A APBC tem desenvolvido, ao longo dos últimos anos, inúmeras atividades de cariz comercial, cultural, turístico, de animação e interação com o comércio local, em prol da dinamização e revitalização do comércio tradicional e da promoção da Baixa de Coimbra.

Ao longo dos anos esta programação tem sido variada e são já por todos reconhecidas algumas ações, nomeadamente: Evento com Dj’s, Desfile de Marchas Populares, Programações de Natal, Passagem de Ano, Semana do Bacalhau, entre outros.

 A sua ação e foco têm vindo a incidir em atividades que atraiam o maior número de pessoas à Baixa de Coimbra e, em 2016, houve uma considerável aposta na formação e sensibilização dos comerciantes, em ações de responsabilidade social, na captação de investidores e na promoção de concursos de empreendedorismo.

A APBC é uma associação sem fins lucrativos, constituída em fevereiro de 2004, resultante de uma parceria estabelecida entre alguns dos principais agentes para o desenvolvimento da área de intervenção. Tem por objeto a promoção e modernização da zona da Baixa de Coimbra, visando a requalificação desta e o desenvolvimento da gestão unitária e integrada de serviços de interesse comum.

Assim, considerando os valores apresentados no relatório de contas do exercício de 2016 e ainda que a APBC tem aumentado, com qualidade, as dinâmicas de atuação e que pretende dar continuidade ao projeto, que contempla a concretização de iniciativas de carater estruturante, de promoção e modernização da Zona da Baixa de Coimbra, contribuindo para a requalificação e o desenvolvimento da gestão integrada de serviços de interesse comum, numa estratégia concertada, propõe a CMC a atribuição de um apoio financeiro, no valor de 55.000 euros, para o ano em curso.

Como contrapartida, a APBC fica obrigada, designadamente, a apresentar um relatório trimestral das atividades desenvolvidas. Deve também utilizar a expressão “Com o apoio do Município de Coimbra” nas ações que realiza, publicita ou divulga.