Comandante distrital da PSP despediu-se de Manuel Machado

O comandante distrital da Polícia de Segurança Pública (PSP) de Coimbra, Pedro Teles, que recentemente assumiu o Comando Distrital de Braga, despediu-se hoje do presidente da Câmara Municipal de Coimbra (CMC), Manuel Machado, nos Paços do Município. O presidente da CMC agradeceu os serviços prestados à cidade pelo superintendente durante estes quase cinco anos à frente do Comando Distrital da PSP de Coimbra (2012 – 2017), desejou-lhe os “maiores êxitos” para o novo desafio e entregou-lhe uma medalha institucional, de lembrança pela sua passagem por Coimbra.

“Os maiores êxitos e muito obrigado”, afirmou Manuel Machado, no Salão Nobre da CMC, depois de oferecer ao superintendente Pedro Teles uma medalha institucional, personalizada, que assinala a sua passagem pelo Comando Distrital de Coimbra. “Muito obrigado”, agradeceu, por seu turno, Pedro Teles, que agora se encontra à frente do Comando Distrital de Braga da PSP, para o qual foi nomeado.

Pedro Teles continuará, contudo, a chefiar o Comando Distrital de Coimbra até ao final deste mês, cargo que irá acumular com o de comandante distrital da PSP de Braga. Conforme noticia hoje o diário As Beiras, o nome do novo comandante da PSP de Coimbra só deverá ser conhecido em agosto. A proposta cabe ao diretor nacional da PSP, Luís Farinha, e a nomeação será depois efetuada pela ministra da Administração Interna, Constança Urbano de Sousa.

Pedro Teles chegou à liderança do Comando Distrital de Coimbra em outubro de 2012, substituindo Paulo Jorge Sampaio. Com 50 anos, o superintendente é licenciado em Ciências Policiais pelo Instituto Superior de Ciências Policiais e Segurança Interna e tem uma pós-graduação em Administração Pública pela Universidade do Minho. Nos últimos anos, concluiu o curso de Direção e Estratégia Policial pelo Instituto Superior de Ciências Policiais e Segurança Interna e o curso de Defesa Nacional pelo Instituto de Defesa Nacional, formações que juntou a tantas outras que constam no seu currículo, que é também marcado por vários louvores e condecorações nacionais.