Escolas do 1º CEB de Casais do Campo, Palheira e Assafarge começam hoje a ser requalificadas

O presidente da Câmara Municipal (CM) de Coimbra, Manuel Machado, assinou, esta manhã, o auto de consignação da empreitada de “Conservação/Beneficiação das Escolas do 1.º Ciclo de Ensino Básico (CEB) de Casais do Campo, Palheira e Assafarge”. A obra fica assim entregue à empresa Lado Renovado - Construções, Lda., representa um investimento de 132.341 euros (c/IVA) e pretende melhorar as condições existentes nestes estabelecimentos escolares, de forma a torná-los mais modernos, seguros, agradáveis e funcionais.

A CM Coimbra avança com a reabilitação dos edifícios das Escolas do 1º CEB de Casais do Campo, Palheira e Assafarge. Com esta intervenção as condições de utilização das escolas vão ser melhoradas na sua generalidade.

Na cerimónia de consignação, que decorreu na escola de Casais do Campo, Manuel Machado apelou à “compreensão das escolas” para as “naturais perturbações que poderão ocorrer” e preveniu para “o cumprimento das condições de segurança”.

“São três escolas que vão ser requalificadas nesta empreitada” e “quanto mais rapidamente concluírem o trabalho, mais rapidamente a Câmara paga”, sublinhou o autarca.

Já o presidente da União de Freguesias de São Martinho do Bispo e Ribeira de Frades, Jorge Veloso, destacou o forte investimento da autarquia nas escolas e na educação. “Com a requalificação desta escola, na União de Freguesias só fica a faltar intervir na Escola Básica do Espírito Santo das Touregas”, frisou.

Na Escola de Casais do Campo a intervenção prevê, nomeadamente, uma nova pintura, renovação da caixilharia e dos pavimentos de madeira no rés-do-chão. A vedação do recinto e portões de entrada serão também objeto de remodelação. Nesta fase da intervenção serão, também, recuperadas quatros salas para funcionarem como sala de aula e ainda a sala da Biblioteca, átrios e o recreio coberto, incluindo as instalações sanitárias. Estas obras vão beneficiar 31 alunos.

Na Escola da Palheira, frequentada por 37 alunos, serão substituídas as caixilharias em madeira das duas salas de aula por caixilharias em alumínio. O alçado principal será pintado, de forma a renovar a imagem da escola. Estão ainda previstas reparações pontuais no reboco de paredes do telheiro.

Na Escola de Assafarge também serão substituídas as atuais caixilharias de madeira por caixilharias de alumínio e as caixas de estore serão revistas e pintadas, de forma a promover o conforto térmico das salas de aula. Estas obras vão beneficiar 73 alunos.

O vereador da Educação da CM Coimbra, Jorge Alves, também esteve presente na cerimónia.