Dois novos miniautocarros elétricos vão reforçar a frota dos SMTUC

O executivo da Câmara Municipal (CM) de Coimbra aprovou, na sua reunião que está a decorrer, uma proposta de adjudicação e da minuta do contrato para o fornecimento de dois miniautocarros elétricos de transporte urbano de passageiros e de dois carregadores de baterias à UIC – Unidade de Indústria Auto Mecânica do Centro, Lda., vencedora do procedimento, pelo valor global de 634.680 euros (IVA de 23% incluído).

A CM Coimbra prossegue na sua aposta de renovação da frota dos Serviços Municipalizados de Transportes Urbanos de Coimbra (SMTUC) com veículos mais eficientes e que utilizam fontes de energia com melhor desempenho ambiental. Note-se que, até à entrega do Relatório Final da operação, os SMUTC comprometem-se a abater um autocarro em fim de vida por cada autocarro elétrico recebido.

Estes dois miniautocarros elétricos têm 6m de comprimento, um motor com 125KW de potência e uma capacidade das baterias de 66kWh. A lotação total será de 19 pessoas e estes miniautocarros estão adaptados para poderem percorrer a Linha Azul, do Centro Histórico.

Este procedimento surge na sequência da mesma candidatura da CM Coimbra ao Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (PO SEUR), aprovada na reunião de Câmara de 23 de janeiro de 2017, para “Promoção da eficiência energética nos transportes coletivos de passageiros incumbidos de missões de serviço público”, cujo contrato foi assinado pelo presidente da autarquia, Manuel Machado, numa cerimónia que decorreu no Pavilhão de Portugal, em Lisboa, com a presença do primeiro-ministro, António Costa, e do ministro do Ambiente, João Matos Fernandes, a 21 de julho de 2017.

Recorde-se que na mesma altura foi aberto o procedimento para a aquisição de oito autocarros elétricos, que já tem visto prévio para avançar do Tribunal de Contas e serão entregues até abril de 2019. Este lote para o fornecimento de dois miniautocarros elétricos de seis metros, em virtude de ter sido excluída a única proposta apresentada, foi deliberado pelo executivo municipal, a 8 de janeiro, a proposta da não-adjudicação. Agora, depois de aberto um novo concurso público internacional volta à reunião de Câmara para poder avançar.

A CM Coimbra, nos últimos cinco, anos tem apostado na renovação da frota dos SMTUC, que se traduziu num reforço de mais de 40 autocarros (sendo 2 híbridos e 10 elétricos), num investimento de cerca de 9 milhões de euros, para além de suportar integralmente o custo social dos transportes que é superior a outros tantos 9 milhões de euros anuais.