Iniciativa nacional para as Competências Digitais em debate no CSF

O presidente da Câmara Municipal de Coimbra (CMC), Manuel Machado, participou, esta manhã, na sessão de abertura da 1ª Conferência do Fórum Permanente para as Competências Digitais, promovida pelo Governo no âmbito da iniciativa nacional Portugal INCoDe.2030, que decorreu na Igreja do Convento São Francisco (CSF).

A INCoDe.2030, uma iniciativa do governo que visa reforçar as competências digitais na sociedade portuguesa, teve hoje a sua primeira conferência. O presidente da CMC saudou o governo por esta iniciativa, que teve como painel na sessão de abertura o presidente da Associação Portuguesa das Comunicações (APDC), Rogério Carapuça, a ministra da Presidência e da Modernização Administrativa, Maria Manuel Leitão Marques, o ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor, o diretor-geral adjunto da Direção-Geral da Informática da Comissão Europeia, Mário Campolargo, e o investigador do Instituto de Engenharia de Sistemas e Computadores, Tecnologia e Ciência (INESC TEC) e INCoDe, Pedro Guedes de Oliveira.

Depois de dar as boas vindas a todos os conferencistas, Manuel Machado salientou o trabalho que a autarquia tem vindo a desenvolver no âmbito do projeto Smart Cities. Como exemplo disso, o autarca recordou a instalação de hotspots para acesso à internet de banda larga no centro histórico, e também nos espaços periféricos, para “promover a igualdade e o conhecimento”. “Já que não podemos fazer uma autoestrada ou avenida larga, por respeito ao património, estamos a fazer autoestradas da comunicação através desta metodologia”, sublinhou, acrescentando que também 150 viaturas dos Serviços Municipais de Transportes Urbanos de Coimbra estão a ser equipadas com rede wi-fi gratuita.

A ministra da Presidência e da Modernização Administrativa, Maria Manuel Leitão Marques, afirmou que a inclusão digital "é uma questão de cidadania" na qual o governo está empenhado. Um projeto que "exige pensar de forma aberta e colaborativa", embora "sem partir de um quadro em branco", salientou a ministra, que apontou a importância das autarquias como parceiras em alguns projetos.

Por seu turno o ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor, saudou a forma “inédita” como os seus pares se têm mobilizado em todas as suas áreas de governação, agradecendo também aos autarcas, na pessoa do presidente da Câmara de Coimbra.

“O futuro vai ser muito diferente (…) e falar no processo de transformação digital é falar num processo de transformação de todos”, referiu o ministro.

A INCoDe.2030 é uma ação integrada de política pública que envolve vários ministérios e visa reforçar as competências digitais na sociedade portuguesa. Inclusão, Educação, Qualificação, Especialização e Investigação foram os cinco eixos de ação abordados, com os quais a iniciativa Portugal INCoDe.2030 se propõe a levar a cabo um vasto conjunto de medidas com vista a mobilizar as diversas instâncias governamentais, que devem ser fortemente articuladas.

A iniciativa Portugal INCoDe.2030 pretende posicionar Portugal no topo dos países europeus em competências digitais através da resposta a três desafios: generalizar a literacia digital, com vista ao exercício pleno da cidadania e à inclusão numa sociedade com práticas cada vez mais desmaterializadas, e em que muitas interações sociais acontecem na internet e são crescentemente mediadas por dispositivos eletrónicos; estimular a empregabilidade e a capacitação e especialização profissional em tecnologias e aplicações digitais, de modo a responder à crescente procura do mercado e a promover a qualificação do emprego numa economia de maior valor acrescentado; garantir uma forte participação nas redes internacionais de I&D e de produção de novos conhecimentos nas áreas digitais.

No final da sessão de abertura realizou-se uma visita ao espaço de exposição, na sala Aeminium, onde se encontravam mais de 40 expositores de todo o país. A assistir na plateia, estiveram entre outros, o ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues e o reitor da Universidade de Coimbra, João Gabriel Silva. Até ao encerramento, a 1º Conferência do Fórum Permanente para as Competências Digitais, conta no programa com as presenças dos ministros do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Marques, e da Economia, Manuel Caldeira Cabral.