CMC apoia internet do futuro e desenvolvimento de novas empresas

O executivo da Câmara Municipal de Coimbra (CMC) aprovou ontem, por unanimidade, os princípios fundamentais para a atribuição de um apoio de 22 mil euros que irá permitir continuar a atividade do Internet Innovation Hub de Coimbra, que se encontra instalado na IPN-Incubadora desde o início de 2015. Além destes 22 mil euros para a atividade deste ano, a CMC já apoiou este projeto em 2015 e 2016, estando previsto que a comparticipação do Município de Coimbra totalize 110 mil euros até 2019.

Conforme refere a própria IPN-Incubadora, o Internet Innovation Hub de Coimbra (IHUB Coimbra) pressupõe importantes atividades de promoção, em Portugal, e em particular a partir da cidade de Coimbra, de tecnologias da internet e internet do futuro, promovidas pela Comissão Europeia (tecnologias FIWARE), bem como de projetos de dinamização do empreendedorismo digital.

O apoio financeiro da CMC, além de estreitar laços de cooperação com a IPN-Incubadora, permite cofinanciar oportunidades de investimento em ações concretas de promoção de atividades de inovação e empreendedorismo de elevado valor para o Município de Coimbra, alavancadas pelo IPN, no âmbito da sua atividade relativa à incubação de empresas inovadoras e de base tecnológica.

Segundo dados avançados pela IPN-Incubadora, após pouco mais de dois anos de funcionamento, o IHUB Coimbra conseguiu desenvolver um excecional trabalho de dinamização inicial do ecossistema FIWARE em Portugal, apoiando 39 startups nacionais que alcançaram incentivos ao investimento em tecnologias FIWARE de cerca de 2,2 milhões de euros, em plena concorrência a nível europeu. Estas 39 empresas - das quais 14 são de Coimbra -, alcançaram já um apoio ao investimento acumulado superior a 1,1 milhão de euros e empregam atualmente cerca de 100 jovens altamente qualificados.

 

Como contrapartida a este apoio, a IPN-Incubadora dará continuidade à colaboração já iniciada com a CMC na definição do modelo de gestão, regulamento, imagem, política de comunicação, gestão operacional e dinamização do espaço de incubação e cowork do Município, situado no Pátio de Inquisição, de modo a que o mesmo se desenvolva de forma coerente e articulada com as próprias iniciativas da IPN-Incubadora neste domínio.