41.ª edição da São Silvestre de Coimbra sai à rua a 15 de dezembro

A 41.ª edição da São Silvestre de Coimbra, a segunda mais antiga de Portugal continental, que se realiza no próximo dia 15 de dezembro, foi hoje apresentada em conferência de imprensa, realizada no Pavilhão Municipal Multidesportos Mário Mexia. O encontro com os jornalistas contou com a presença do vice-presidente da Câmara Municipal (CM) de Coimbra, Carlos Cidade, do presidente da Escola de Atletismo de Coimbra/Associação Recreativa Casaense (EAC/ARC), Luís Gaspar, e do presidente da Associação Distrital de Atletismo de Coimbra (ADAC), David José Soares.

Carlos Cidade salientou que, neste momento, já estão inscritos “mais de 1000” participantes, para além dos atletas de renome que irão marcar presença na prova, o que evidencia o sucesso do evento. A alteração da data, outra das novidades da edição deste ano, foi, segundo o autarca, “propositada, de modo a que os atletas que participam nas provas de Lisboa e Porto também pudessem estar presentes na São Silvestre de Coimbra”.

Carlos Cidade afirmou que a São Silvestre “é o culminar do crescimento do atletismo em Coimbra, com o aparecimento de novos clubes”, salientando também a quantidade e qualidade dos atletas, resultado de “um trabalho incansável do presidente da ADAC”, que é já reconhecido a nível nacional. O autarca enalteceu a colaboração com a EAC/ARC e com a ADAC desde há cinco anos. 

O autarca manifestou ainda o desejo de que o projeto de reabilitação da pista de atletismo do Estádio Municipal Cidade de Coimbra possa “atrair eventos de cariz nacional e internacional”.

Por seu turno, o presidente da EAC/ARC salientou que “até ao final das inscrições esperamos ultrapassar o número de participantes do ano passado, continuando a ser a prova com mais finalistas”. Luís Gaspar revelou uma das novidades em relação ao itinerário desta edição que “irá passar nas ruas Visconde da Luz, Ferreira Borges e Sofia, locais emblemáticos da nossa cidade”. A prova contará novamente com atletas de renome nacional, assegurou.

Já David José Soares salientou que, à semelhança de outras edições, haverá a Mini São Silvestre que é aberta aos escalões mais novos, desde os benjamins A até aos juvenis. Esta prova conta com um percurso entre 800 a 3500 metros, de acordo com a idade dos participantes. “Uma oportunidade única dos mais novos participarem nos eventos da cidade”, concluiu.

A 41.ª São Silvestre de Coimbra inclui uma corrida principal (cerca de 10 km), uma Caminhada e uma Mini São Silvestre, ambas com aproximadamente 5 km. O evento com partida e chegada na Rua Infanta D. Maria, reúne festa e competição, atletas federados e o cidadão comum que apenas pretende praticar exercício. Trata-se de um evento que contribui para o desenvolvimento desportivo do concelho e que é relevante para a projeção turística e desportiva de Coimbra, nomeadamente como forma de promoção do desporto, da atividade física e da própria cidade, considerando que se prevê uma grande participação de atletas oriundos de todo o país, e alguns estrangeiros, com benefício para a economia de toda a região centro. 

Inscrições disponíveis em: https://www.saosilvestredecoimbra.com/inscricoes

Programa e percursos completos: https://www.saosilvestredecoimbra.com/informacoes