Seleção nacional de râguebi quer vencer particular com a Namíbia no Estádio Municipal de Taveiro

O Estádio Municipal de Taveiro vai receber, amanhã, pelas 15h00, um jogo particular de râguebi entre as seleções nacionais de Portugal e da Namíbia. O evento foi hoje apresentado, em conferência de imprensa, no Pavilhão Municipal Multidesportos Mário Mexia, pelo vereador do Desporto da Câmara Municipal (CM) de Coimbra, Carlos Cidade, pelo membro da comissão de gestão da Federação Portuguesa de Râguebi (FPR), Jaime Carvalho, e pelo selecionador de Portugal, Martim Aguiar, que pretende dar continuidade ao trabalho de rejuvenescimento da equipa. O encontro, com entrada gratuita, terá transmissão em direto na SportTV.

“Que as pessoas possam assistir a um excelente espetáculo desportivo, e que a Seleção Portuguesa jogue melhor”, é este o desejo do vereador do Desporto da CM Coimbra, Carlos Cidade.

“Para a cidade de Coimbra é uma honra poder receber novamente a seleção nacional”, afirmou o autarca, realçando a parceria com a FPR. “O râguebi tem um peso muito específico na cidade”, sublinhou Carlos Cidade, recordando que a modalidade tem tradição em Coimbra “pela Associação Académica de Coimbra e pela Agrária”. 

O vereador do Desporto salientou, também, a importância do Estádio Municipal de Taveiro, que começa a ser “um forte do râguebi em Coimbra”, acrescentando que essa foi “uma opção política devidamente assumida”.

Já o membro da comissão de gestão da FPR agradeceu a colaboração da CM Coimbra, que é parceira da iniciativa e que “tem acarinhado sempre o râguebi”. O dirigente federativo convidou ainda todos os amantes da modalidade a assistirem ao embate de amanhã.

Por seu turno, o selecionador nacional salientou a importância de jogar em Coimbra. “Uma cidade amiga do râguebi”, acrescentando que “são estes jogos” que contribuem para o crescimento da equipa.

"Sabemos que vamos ter um teste difícil amanhã [sábado], mas que é ótimo para a nossa jovem seleção se habituar e voltar a ter estes jogos de grande qualidade, principalmente com equipas do nível da Namíbia", disse Martim Aguiar.

Salientando que este particular é também importante para preparar os jogos do próximo ano, de fevereiro e março, Martim Aguiar realçou que, no râguebi, "não há jogos amigáveis, portanto, este é um jogo particular que conta para o 'ranking' e no qual há que emendar os erros cometidos na Roménia".

Paralelamente ao jogo, vão existir várias iniciativas, desde ações de formação para árbitros e treinadores, que estão a decorrer, e um convívio nacional de escolas, em que vão estar envolvidos atletas sub-8, sub-10 e sub-12 de 18 clubes, que vai decorrer no sábado, no Estádio Universitário de Coimbra.

Na conferência de imprensa de apresentação do jogo participaram, ainda, o selecionador e o capitão da Namíbia, Phil Davies e Darryl de La Harpe, e o jogador português Manuel Picão, atleta da Associação Académica de Coimbra.