Artur e Carlos Paredes lembrados na Alta de Coimbra pela mão de seis guitarristas

A música de Artur e Carlos Paredes vai ecoar pela Alta de Coimbra, no próximo domingo, pela mão de seis guitarristas, num percurso que passa por alguns dos locais "mais emblemáticos" do centro histórico da cidade.

O espetáculo "Com a Guitarra de Paredes" decorre a partir das 18h00, percorrendo espaços como a Escadaria de Minerva, a Torre d'Anto, o Arco de Almedina ou as escadas do Quebra Costas, onde a maioria das canções tocadas são de Artur (pai) e Carlos Paredes (filho).

Cada atuação terá a duração de 12 minutos e cada guitarrista tocará três temas e estará acompanhado pela guitarra de Carlos Paredes. No espetáculo, de entrada livre, atuam Manuel Portugal, Luísa Amaro, Diogo Mendes, Hugo Paiva de Carvalho e Bruno Costa na guitarra de Coimbra, sendo sempre acompanhados por Diogo Passos na guitarra clássica.

"Com a Guitarra de Paredes" é um dos espetáculos inseridos na proposta "À Volta do Fado", que vai percorrer 19 municípios da Região Centro com uma programação que pretende cruzar o Fado e a Canção de Coimbra com "a pintura, poesia, cinema, gastronomia, dança, entre outras", refere a nota de imprensa da organização. Neste ciclo, estão previstos vários eventos até abril de 2019.

O ciclo "À Volta do Fado" integra a rede de programação "Coimbra Região de Cultura", em que estão envolvidos os 19 municípios da Comunidade Intermunicipal de Coimbra: Arganil, Cantanhede, Coimbra, Condeixa-a-Nova, Figueira da Foz, Góis, Lousã, Mealhada, Mira, Miranda do Corvo, Montemor-o-Velho, Mortágua, Oliveira do Hospital, Pampilhosa da Serra, Penacova, Penela, Soure, Tábua e Vila Nova de Poiares.

LUSA / CMC