Festas da Cidade animam Coimbra de 30 de junho a 8 de julho

Rodrigo Leão, The Flying Cages, Virgem Suta, D.A.M.A, Orquestra Clássica do Centro com João Afonso, The Gift e Gisela João são os cabeças de cartaz das Festas da Cidade de Coimbra e da Rainha Santa Isabel 2018, que vão animar a cidade de 30 de junho a 8 de julho. O evento foi apresentado hoje, em conferência de imprensa, no Salão Nobre dos Paços do Município, pelo presidente da Câmara Municipal de Coimbra (CMC), Manuel Machado, pela vereadora da Cultura e do Turismo, Carina Gomes, e pelo vereador do Desporto, Carlos Cidade, estando presente ainda a vereadora da Administração-Geral, Regina Bento, e dois elementos dos D.A.M.A, Francisco Pereira e Miguel Cristovinho. Um programa de qualidade, dinâmico e abrangente, que junta grandes nomes do panorama nacional musical com a oferta dos agentes culturais e desportivos concelhios, numa festa celebra a cidade de Coimbra. 

Coimbra vai estar em festa durante nove dias, com um programa atrativo e repleto das mais variadas iniciativas, na sua maioria gratuitas, que irão decorrer em espaços emblemáticos da cidade, tais como o Jardim da Sereia, o Parque Verde do Mondego, a Praça do Comércio, a Praça 8 de Maio, o Convento São Francisco ou o Terreiro da Erva. Um programa que apresenta um cartaz de luxo e para todos os gostos. Rodrigo Leão (30 de junho), The Flying Cages (1 de julho), Virgem Suta (2 de julho), D.A.M.A (3 de julho), Orquestra Clássica do Centro & João Afonso (4 de julho), The Gift (6 de julho) e Gisela João (7 de julho) são as escolhas da autarquia para encabeçarem um cartaz que garante praticamente um espetáculo de referência por noite e promete uma enorme afluência de público à festa.

 “O que pretendemos é mostrar o quanto vale esta cidade (…) e melhorar o sentimento de pertença e de autoestima de todos os conimbricenses”, afirmou Manuel Machado, considerando o programa “estimulante” e desejando que este evento junte munícipes e visitantes numa festa comum, de comemoração da cidade de Coimbra. “Venham daí, venham até nós”, apelou o presidente da CMC.

“Celebrar o 4 de julho, homenagear a Rainha Santa Isabel e trazer ânimo e vida ao coração da cidade” são os objetivos fundamentais daquela que é “a grande festa de Coimbra”, salientou ainda Manuel Machado.

Uma festa que, para além dos concertos de destaque, conta com muitas outras iniciativas de qualidade na sua programação. A vereadora da Cultura da CMC elencou algumas delas, como a Festa de Folclore, no sábado, 30 de junho, na Praça 8 de Maio; o espetáculo “Sofia, Meu Amor”, pela Trincheira Teatro sob coordenação do grupo O Teatrão, no sábado e domingo (30 de junho e 1 de julho) na Rua da Sofia; três espetáculos de pirotecnia – “se as condições os permitirem”, referiu Carina Gomes – nas noites dos dias 3, 5 e 7 de julho, junto ao rio Mondego; a Orquestra de Sopros de Coimbra, no dia 4 de julho, na Praça 8 de Maio; ou o Baile da Rosa e a Serenata dos Antigos Estudantes da Universidade de Coimbra, no dia 7 de julho, no Terreiro da Erva e no Largo da Sé Velha respetivamente.   

“Este é um dos eventos mais relevantes do programa cultural da Câmara Municipal de Coimbra”, avançou Carina Gomes, destacando a importância de juntar artistas de renome nacional e internacional com as produções dos agentes culturais e desportivos do concelho de Coimbra. “É um evento que se assume como a grande festa da cidade”, que é uma oportunidade também para as coletividades mostrarem e divulgarem o seu trabalho, e que pretende trazer vida, alma, ânimo, ao coração de Coimbra, sintetizou a vereadora da Cultura, lembrando ainda que a maioria dos eventos é de entrada gratuita. 

O programa das Festas da Cidade de Coimbra 2018 inclui, ainda, um leque diversificado de eventos desportivos, que este ano já arrancaram e vão terminar só no final de julho por causa da realização, em Coimbra, dos Jogos Europeus Universitários de 2018, lembrou Carlos Cidade. O vereador do Desporto da CMC destacou algumas das modalidades que vão ter eventos incluídos na programação, como o automobilismo, o bridge, a ginástica, o hipismo, o ténis, o boxe, o streetbasket, o karaté, o golfe, entre outras modalidades. Carlos Cidade fez ainda questão de destacar a demonstração de modalidades desportivas dirigida às crianças, no Dia da Cidade, 4 de julho, nas duas margens do rio Mondego, com mais de 16 modalidades representadas. 

As Festas da Cidade de Coimbra e da Rainha Santa Isabel 2018 prometem trazer muita animação, cultural e desportiva, à cidade, de 30 de junho a 8 de julho. Um dos grupos de destaque do cartaz cultural, os D.A.M.A, esteve hoje na conferência de imprensa, e deixa a todos os fãs um cheirinho do que será o seu concerto. “Podem esperar as músicas antigas e as músicas do novo álbum ‘Lado a Lado”, afirmou Miguel Cristovinho. “Já estivemos em Coimbra outras vezes, em showcases e na Queima das Fitas, mas esta é uma oportunidade para Coimbra inteira nos ver e ouvir, dos mais novos aos mais velhos”, acrescentou, por sua vez, Francisco Pereira, concluindo: “Venham ver-nos [no dia 3 de julho, pelas 22h00, no Parque Verde do Mondego]”. 

Consulte aqui o programa completo das Festas da Cidade de Coimbra e da Rainha Santa Isabel 2018