Salão Nobre da CMC ovacionou a OCC pela interpretação do concerto de Ano Novo

O Salão Nobre do Município de Coimbra encheu, na tarde do dia 7 de janeiro, para assistir ao Concerto de Ano Novo, oferecido pela Câmara Municipal de Coimbra (CMC), e magnificamente executado pela Orquestra Clássica do Centro (OCC).

O concerto de Ano Novo interpretado pela OCC, sob a orientação do maestro José Eduardo Gomes, iniciou-se com a interpretação da peça de Mozart (Abertura da ópera “Così fan Tutte”), e prosseguiu com (“Rosamunde”), da autoria de Schubert. O momento musical continuou com a interpretação das obras (“Trish Trash Polka”, “Rosen aus dem Suden”, “Pizzicato Polka” e “An der schönen blauen Donau”) de Strauss.

Marcaram presença o presidente da CMC, Manuel Machado, a vereadora da Cultura, Carina Gomes, a vereadora Madalena Abreu, e representantes de várias entidades da cidade e público em geral.

Apresentada pela primeira vez, enquanto orquestra profissional, em Dezembro de 2001, a OCC, tem, desde então, realizado o seu trabalho ininterruptamente. Começou com 25 elementos, mas, em 2002, passou para 32, a sua atual constituição. Conta com o apoio institucional de CMC e é considerada de superior interesse cultural pelo Ministério da Cultura.