CSF acolhe 2ª Grande Noite do Fado e da Canção de Coimbra

A 2ª Grande Noite do Fado e da Canção de Coimbra é já na próxima sexta-feira, dia 17 de novembro, pelas 21h30, no grande auditório do Convento São Francisco (CSF). Esta iniciativa é uma coorganização do Coro dos Antigos Orfeonistas da Universidade de Coimbra e da Câmara Municipal de Coimbra (CMC).

Na conferência de imprensa de apresentação do evento, que decorreu esta tarde, na sede do Coro dos Antigos Orfeonistas, a vereadora da CMC, Carina Gomes, começou por destacar o grande empenho e dedicação do Coro dos Antigos Orfeonistas, fator essencial para a concretização do projeto que avança para a 2ª edição. Carina Gomes destacou que o Fado e a Canção de Coimbra são um “um património imaterial que não podemos esquecer e devemos promover”, elencando, de seguida, o “esforço” que a CMC tem vindo a desenvolver nesse sentido.

A este nível, a autarquia disponibiliza visitas guiadas em torno das tradições académicas, do Fado e da Canção de Coimbra; promove, todos os anos, semanalmente de junho a setembro, as Noites de Música no Coração da Cidade de Coimbra, cujas quintas-feiras são tradicionalmente dedicadas ao Fado de Coimbra; e realiza o ciclo de palestras no Núcleo da Guitarra e do Fado de Coimbra, na Torre de Anto. Em coorganização com os Antigos Orfeonistas, a CMC, tem organizado outras iniciativas relacionadas com o Fado e a Canção de Coimbra, mais especificamente os percursos “De Santa Cruz à Torre de Anto” (2015), “De Santa Clara à Fonte dos Amores – Duas Rainhas de Coimbra” (2016) e “De Augusto Hilário a Zeca Afonso” (2017).

Além destas iniciativas, uma das linhas de ação da candidatura, apresentada pela Comunidade Intermunicipal da Região de Coimbra, para Programação Cultural em Rede, visa, precisamente, o Fado e a Canção de Coimbra como forma de valorizar, do ponto de vista cultural e turístico, toda a região de Coimbra. 

O presidente do Coro dos Antigos Orfeonistas, Santos Cabral, salientou a importância do evento, que “vale, sobretudo, porque entendemos que a música de Coimbra é um património imaterial que deve ser preservado (…) através de novas formas de fado, conceitos e sonoridades”.

José Vilhena revelou a riqueza de um programa que inclui nomes reconhecidos como Rui Pato e José Manuel Neto, bem como os grupos Canções Pagãs (Luís Figueiredo e Nuno Dias), Grupo de Fados àCapella, Grupo de Fados Amanhecer e o Coro dos Antigos Orfeonistas. Por seu turno, o Maestro Virgílio Caseiro anunciou que irá estrear novos temas no concerto.

Após o enorme êxito que constituiu a primeira edição da Grande Noite do Fado e da Canção de Coimbra, o grande auditório do Convento São Francisco voltará a receber um espetáculo que incluirá várias tendências, desde os fados e baladas, aos vários acompanhamentos instrumentais, até aos grupos criados recentemente, com visões interpretativas próprias do Fado e da Canção de Coimbra.

 

Tipo de Público: Classificação Etária: Maiores de 6 | Duração: 90 minutos

Bilheteira:

Bilhete geral 7€
Bilhete desconto 5€ inclui estudantes, = / < 30 anos de idade, = / > 65 anos de idade e Grupos = / > 10 pessoas

Informação: Bilheteira – 239 857 191 | De segunda a domingo das 15h00 às 20h00 | geral@coimbraconvento.pt

Bilheteira Online – https://cmcoimbra.bol.pt/Comprar/Bilhetes/55126-2_a_grande_noite_do_fado_e_da_cancao_de_coimbra-camara_municipal_de_coimbra/Sessoes

 

Lojas FNAC