Manuel Machado na visita que assinala o arranque da Feira Cultural de Coimbra

O presidente da Câmara Municipal de Coimbra (CMC), Manuel Machado, visitou esta tarde a Feira Cultural de Coimbra, que este ano decorre até ao próximo 11 de junho, no Parque Dr. Manuel Braga. São dez dias de uma oferta cultural diversificada, que cruza áreas como a literatura, o artesanato, a gastronomia, a música, as artes plásticas, a cultura e a criatividade num espaço emblemático da cidade. Um certame organizado pela CMC, destinado à promoção e divulgação das mais variadas atividades culturais, que conta com um programa de animação diário, atrativo e aliciante para todos os públicos.

A Feira Cultural de Coimbra está a crescer a cada ano que passa. E esta edição mostra bem o crescimento do certame, que este ano conta com 196 representações (mais 19 do que no ano passado), e a aposta clara num programa para todos os gostos. “De ano para ano, a Feira Cultural tem vindo a evidenciar o seu potencial popular. Isto é para o comum dos cidadãos poder usufruir, porque todos têm direito à Cultura. Não é apenas para uma elite e eu respeito todos eles. Mas o objetivo da Câmara Municipal é partilhar a Cultura com todos os cidadãos”, salientou Manuel Machado.

O presidente da CMC percorreu todo o recinto do certame, na companhia da vereadora da Cultura da CMC, Carina Gomes, cumprimentando os expositores, agradecendo a sua presença e desejando a todos uma boa feira. A vice-presidente da autarquia, Rosa Reis Marques, e os vereadores da CMC, Carlos Cidade e Jorge Alves, bem como várias personalidades ligadas ao executivo municipal e à cidade também marcaram presença na visita à feira.

A Feira Cultural de Coimbra 2017 vai estar em funcionamento de 2 a 11 de junho, das 14h00 às 22h30 de segunda a quinta-feira, das 14h00 às 24h00 à sexta-feira, das 11h00 às 24h00 ao sábado e das 11h às 22h30 ao domingo, no Parque Dr. Manuel Braga. Dez dias em que a animação vai ser uma constante, com grande parte das iniciativas a decorreram nos dois palcos do recinto: o Palco Coreto e o Palco dos Livros.

“O programa procura mostrar que é possível num espaço especial da cidade realizar eventos para as pessoas usufruirem das várias componentes da Cultura, designadamente dos livros, das artes, da gastronomia, da música, do teatro e do convívio. Aliás, a melhor expressão de Cultura nos dias de hoje é o convívio”, salientou o presidente da CMC. Para além do convívio, hoje, no seu dia de arranque, a Feira Cultural de Coimbra promove um concerto imperdível, centrado na figura de Zeca Afonso, que começa pelas 21h30, no Palco Coreto.