Casa Municipal da Cultura recebe exposição do CAV sobre o tema do trabalho

A Casa Municipal de Cultura acolhe, até ao próximo dia 10 de novembro, uma nova exposição do Centro de Artes Visuais (CAV), que explora o tema do trabalho. A mostra intitula-se precisamente “Trabalho”, conta com a curadoria de Albano Silva Pereira, e junta obras de seis artistas, nomeadamente António Júlio Duarte, Augusto Brázio, Paulo Catrica, Pedro Letria, Inês Gonçalves e a cineasta e artista plástica Filipa César, vencedora do Prémio BES Photo (atual Novo Banco Photo), em 2010.

“O tema ‘trabalho’ não é novo na história da fotografia e do cinema. Aliás, não só possui uma já longa tradição, como pode mesmo dizer-se que a afirmação destes meios de expressão, em finais do século XIX, se confunde com a abordagem desta problemática. Bastará recordar as crianças junto das máquinas captadas por Lewis Hine ou a escolha da tomada de vista dos operários a sair da fábrica para o primeiro filme dos irmãos Lumière. Sem dúvida que esta circunstância se deve à capacidade de interpretação do real e ao potencial descritivo que tanto a imagem fotográfica como a cinematográfica protagonizam”, refere o curador da mostra, numa nota de imprensa enviada à Lusa.

O curador acrescenta ainda que cada um dos artistas presentes suscita "diferentes interpretações da premissa inicial". "Em ‘Trabalho’, manifesta-se, pois, a pluralidade dos níveis de análise que o ‘trabalho’ ainda comporta", realça Albano Silva Pereira, que enaltece a importância deste tema na própria história da imagem fotográfica e cinematográfica, onde o seu retrato e a sua interpretação remontam aos finais do século XIX. 

A exposição está patente na Casa Municipal de Cultura, até 10 de novembro, e pode ser visitada gratuitamente de segunda a sexta-feira, das 09h00 às 19h30, e aos sábados, das 11h00 às 13h00 e das 14h00 às 19h00.

CMC/Lusa