Câmara de Coimbra espera que ligação através da Mata do Jardim Botânico esteja concluída antes do verão

A Câmara Municipal de Coimbra espera que a ligação entre a Alta de Coimbra e Santa Clara, pela Mata do Jardim Botânico, esteja concluída antes do verão, afirmou hoje o presidente da autarquia, Manuel Machado.

A linha, que vai ser servida por dois miniautocarros híbridos (diesel/elétrico) e descapotáveis, "está praticamente concluída", disse Manuel Machado, que falava aos jornalistas durante a apresentação dos dois veículos que vão fazer o percurso pelo Botânico e de outros três miniautocarros. Os cinco vão reforçar a frota dos Serviços Municipalizados de Transportes Urbanos de Coimbra (SMTUC).

O percurso vai fazer uma ligação que passa pelo Parque Verde e parques de estacionamento que existem nessa zona ribeirinha com o Polo I da Universidade de Coimbra, explanou.

Os autocarros vão circular "num horário de sol a sol" (o Jardim Botânico fecha os portões à noite por razões de segurança), permitindo "a circulação das pessoas, visando atraí-las para estacionar o seu automóvel nos sítios de aparcamento disponíveis na zona ribeirinha e depois irem para o trabalho ou para uma visita no Polo I da universidade", referiu Manuel Machado.

Manuel Machado frisou que o preço (igual ao de uma viagem normal nos SMTUC) será o mesmo para visitantes e residentes naquela que será uma "ligação extremamente rápida" à Alta de Coimbra.

O projeto, vincou, visa "reduzir a pressão automóvel no Polo I, que não tem condições para acolher tantas viaturas".

De acordo com o autarca, a intervenção foi interrompida face à necessidade de prospeção arqueológica numa parte do percurso, cujos trabalhos já terminaram, sendo só necessário agora "a reposição dos pavimentos para que haja circulação" dos dois miniautocarros, que têm uma lotação de 35 lugares cada e podem levar uma cadeira de rodas. Os dois novos miniautocarros híbridos e descapotáveis custaram 243 mil euros à CMC. 

Para além da apresentação destes dois veículos, que decorreu à frente dos Paços do Município, foram ainda apresentados três miniautocarros convencionais.

Essas três viaturas estão integradas num total de sete miniautocarros adquiridos pela Câmara por 418 mil euros que vão ser utilizados para circuitos e horários com menor procura.

No corrente ano está ainda prevista a entrega dos restantes quatro miniautocarros comprados pela autarquia, informou o município.

Lusa/CMC