(In)citação de 11 fevereiro

 

É preciso ler, é preciso ler...

E se em vez de exigir leitura o professor decidisse de repente partilhar o seu prazer de ler?

 

Daniel Pennac, in Como um romance

[excerto selecionado por: Biblioteca Municipal de Coimbra]